Gabriela Prioli alfineta Bolsonaro e cita cloroquina após presidente recusar vacina

Gabriela Prioli

Gabriela Prioli
Gabriela Prioli cutuca Bolsonaro no Twitter (Imagem: Reprodução – YouTube – TV Brasil / Montagem – RD1)

Gabriela Prioli citou a cloroquina e soltou o verbo contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na última quarta-feira (21). A manifestação ocorreu após a declaração do presidente em ataque ao acordo entre o Ministério da Saúde, o Instituto Butantan (SP) e o laboratório Sinovac pela compra da Coronavac.

No Twitter, Bolsonaro transformou o assunto em palanque político e disse que “o povo brasileiro não será cobaia de ninguém”, se referindo aos testes da vacina chinesa, definido por ele como “a vacina chinesa de João Doria”.

Impressionada com o discurso, a contratada da CNN Brasil atacou: “A não ser, claro, que o remédio seja a Cloroquina e que eu possa explorar isso politicamente. Aí o povo brasileiro pode ser cobaia. Se for para me beneficiar, beleza. Jair acima de tudo, minha família acima de todos”.

Prioli ressaltou que o caso feito por Bolsonaro deixou de lado a sabatina no Senado do futuro ministro do STF, Kassio Nunes. “E não será cobaia, mas será marionete, já que ele tá fazendo barulho nas redes e afago no público pra disfarçar a sabatina do Kassio Nunes no Senado”, acusou.

Na terça-feira (20), o ministro Eduardo Pazuello anunciou a compra de 46 milhões de doses da Coronavac pelo Instituto Butantan. O ministro da Saúde garantiu que a vacina seria “a do Brasil”, em referência ao trabalho feito pelo instituto brasileiro na produção das doses.

Confira:

O post Gabriela Prioli alfineta Bolsonaro e cita cloroquina após presidente recusar vacina apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.