Tainá Müller engata projetos criminais

A gaúcha Tainá Müller já morou em Milão, Bangkok, Hong Kong, Rio de Janeiro — e, agora, São Paulo. “Eu me mudei em fevereiro, com meu marido e meu filho, de 4 anos, uma semana antes de me isolar. Tenho um amor bandido por São Paulo”, conta. A cidade é cenário de Bom Dia, Verônica, sucesso da Netflix em que a atriz faz a heroína do título: uma escrivã de polícia que combate casos de violência doméstica. “Fiz um laboratório na delegacia de homicídios. Chorava todos os dias com a crueldade dos feminicídios”, diz. Em 2021, Tainá terá mais dois projetos criminais: as séries Mal Secreto, da Globo, e Atenuantes, do canal Universal. “Foi uma grande coincidência. Não tenho preferência por personagens policiais.”

Publicado em VEJA de 28 de outubro de 2020, edição nº 2710