Obra de Tarsila do Amaral será colocada à venda por R$ 40 milhões

O quadro Idílio (1929), da brasileira Tarsila do Amaral (1886–1973), será colocado à venda na tradicional feira de arte TEFAF, em Nova York, que este ano acontecerá online entre os dias 30 de outubro e 4 de novembro. O evento contará com peças de galerias renomadas do mundo. O Brasil será representado pela Bergamin & Gomide, que apresentará o quadro de Tarsila.

Segundo informações da galeria, o quadro – que pertence a um colecionador brasileiro – será colocado à venda por 7 milhões de dólares, o equivalente a 40 milhões de reais na cotação do dia.

A expectativa é que a obra seja adquirida por um museu, aproveitando a recente valorização e popularidade de Tarsila, que arrebanha público – a exemplo do que ocorreu na mostra de 2019 no Museu de Arte de São Paulo (Masp), que ultrapassou 400 000 visitantes. No mundo, a artista paulista está nas paredes de museus como o Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires, o Malba, com seu famoso Abaporu, e o Museu de Arte Moderna de Nova York, o MoMA, que adquiriu no ano passado A Lua, por 20 milhões de dólares (hoje, equivalente a 115 milhões de reais), maior valor já pago por uma tela brasileira.