Bruno Gagliasso se enfurece com ministro da Saúde e solta o verbo

Bruno Gagliasso

Bruno Gagliasso

Bruno Gagliasso
Bruno Gagliasso detona ministro de Bolsonaro em rede social (Imagem: Reprodução / Globo)

Bruno Gagliasso ficou revoltado com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre a data e hora prevista para o início da vacinação contra a Covid-19. Debochado, o auxiliar do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que a vacinação “vai começar o no dia D, na hora H”.

Em Manaus, o epicentro de novos casos e mortes da segunda onda do novo coronavírus no país, deu a seguinte declaração durante um evento do governo estadual: “Todos os Estados receberão simultaneamente as vacinas. A vacina vai começar no dia D e na hora D. No dia D e na hora H no Brasil”.

O vídeo, já visto por mais de meio milhão de usuários do Twitter, chamou a atenção do ator, que questionou:

“Me belisca porque eu não tô acreditando ainda que essa é a declaração do Ministro da Saúde sobre o início da vacinação no Brasil. Até quando essa gente vai nos ‘governar’?”.

Marcelo Adnet respondeu o ex-colega de emissora em tom de ironia, se referindo ao fim do mandato de Bolsonaro, no final de 2022, ou em uma possível reeleição. “Dezembro de 2022 ou até algum momento entre 2023 e 2026”, manifestou.

Confira:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].

O post Bruno Gagliasso se enfurece com ministro da Saúde e solta o verbo apareceu primeiro em RD1.