Luciano Huck defende a Coronavac após crise de credibilidade por eficácia geral

Luciano Huck

Luciano Huck

Luciano Huck
Luciano Huck defende a vacinação pela Coronavac (Imagem: Reprodução / Instagram)

Luciano Huck reagiu após as críticas que a vacina Coronavac levou de eleitores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após a comprovação da sua eficácia geral. O apresentador da Globo alfinetou os haters e defendeu o imunizante.

O famoso explicou que a origem ou o responsável pela distribuição não deveria ser o fator mais importante da campanha de vacinação, mas a eficácia científica da vacina. No Twitter, ele desabafou:

“Vacina: não importa a origem, nem quem a distribui. O foco é na eficácia científica. Se as agências regulatórias aprovam e os requisitos de segurança são atendidos, vacina salva-vidas e é o caminho mais seguro para levar a vida de volta a normalidade. Não é hora de dividir, mas de somar”.

Possível candidato à presidência da República em 2022, Luciano Huck se uniu a nomes do meio político que partiram em defesa da imunização pela Coronavac, produzida pelo Butantan, em São Paulo, com a farmacêutica Sinovac, da China.

O empresário já expôs críticas diretas ou indiretas ao governo em outras ocasiões no início deste ano. Ontem (12), ele lamentou a saída da Ford do Brasil e o número de desempregados pela decisão: 5 mil brasileiros.

Confira:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].

O post Luciano Huck defende a Coronavac após crise de credibilidade por eficácia geral apareceu primeiro em RD1.