Galvão Bueno detona realização da Copa América no Brasil e faz desabafo

Galvão Bueno

Galvão Bueno

Galvão Bueno
Galvão Bueno critica decisão envolvendo a Copa América (Imagem: Reprodução / Globo)

A decisão do Brasil de aceitar a realização da Copa América 2021 em meio à pandemia da Covid-19 pegou muita gente de surpresa na última segunda-feira (30), inclusive Galvão Bueno, que criticou a decisão e alertou para os riscos de uma terceira onda da doença.

A terceira onda da Covid-19 está batendo na nossa porta, já são mais de 460 mil mortos no Brasil, não sabemos onde isso vai parar. No caso das Eliminatórias [da Copa do Mundo], pelo menos, o próximo jogo da Seleção Brasileira em casa vai ser só em setembro”, disse o narrador durante a apresentação do Bem, Amigos!, do SporTV.

Mas, eis que na calada da noite, a Conmebol, na impossibilidade de realizar a Copa América na Argentina, por causa da Covid-19 e decisões do governo argentino. Aí, a Conmebol liga para a CBF e sugere que a competição seja no Brasil. O que a CBF faz? Fala sim e consulta o Governo Federal. O que o Governo Federal faz? Aceita prontamente. Sem reflexão, sem discussão com a sociedade e sem pensar no quão delicado é aceitar essa missão”, complementou.

Galvão destacou ainda que a indignação não se tratava pelo fato da Globo ter perdido os direitos da competição para o SBT: “Quero dizer que a Globo e o SporTV não tinham os direitos da Libertadores no ano passado. Não só eu, como meus companheiros, fomos contra a volta precipitada da Libertadores. Mas nós temos o direito do Campeonato Brasileiro, que também fui contra a volta do futebol no Brasil quando voltou“.

“Tem gente de vários lugares da América do Sul e do mundo inteiro. É gente que pode contaminar ou ser contaminada. Pode trazer ou levar uma cepa nova. Sabe quando é isso? Daqui a menos de duas semanas, porque começa em 13 dias. Em uma semana, as seleções estarão por aqui“, alertou.

Durante o desabafo, o locutor ainda destacou os muitos problemas que essa decisão pode causar no país: “Então, o que era para ser um evento esportivo, me começa a parecer que virou um confronto político. Quem corre o risco é a sua, a minha, a nossa saúde. A saúde pública da América. Então, sinceramente, peço a Deus que alguém tenha uma crise de bom senso e essa loucura não aconteça“.

Elson BarbosaElson Barbosa

Jornalista, encantado pelo entretenimento e pela possibilidade de contar e conhecer várias histórias ao mesmo tempo. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @ellsonbarbosa

O post Galvão Bueno detona realização da Copa América no Brasil e faz desabafo apareceu primeiro em RD1.