Samantha Schmütz desabafa no Twitter e alfineta artistas

Samantha Schmütz
Samantha Schmütz se revoltou com os artistas que não estão se posicionando com tudo o que vem acontecendo no Brasil (Imagem: Reprodução / Instagram)

A atriz Samantha Schmütz voltou a desabafar em seu Twitter. Em meio à polêmica envolvendo os artistas que não se posicionam politicamente, a humorista tratou de alfinetar os colegas de profissão e disparou:

“Eu desconfio de quem nesse momento não sente orgulho de dizer ser contra a gestão do governo!”.

E não parou por aí. No perfil do Instagram, a humorista compartilhou um post com ironia para quem decide ficar sem se pronunciar sobre tudo o que tem acontecido no país. Na legenda, ela escreveu:

É PRECISO AGIR
Bertold Brecht (1898-1956)
Primeiro levaram os negros
Mas não me importei com isso
Eu não era negro
Em seguida levaram alguns operários Mas não me importei com isso
Eu também não era operário
Depois prenderam os miseráveis
Mas não me importei com isso
Porque eu não sou miserável
Depois agarraram uns desempregados Mas como tenho meu emprego Também não me importei
Agora estão me levando
Mas já é tarde.
Como eu não me importei com ninguém Ninguém se importa comigo“.

Samantha, por sinal, foi uma das artistas que fez questão de marcar presença nos protestos contra o presidente Jair Bolsonaro no último fim de semana, em São Paulo. Ela e Mônica Martelli ainda aproveitaram para homenagear Paulo Gustavo, morto por conta da Covid-19.

Por Paulo Gustavo e por todas as 459 mil vítimas“, escreveu Samantha em um cartaz. Já Mônica levou uma faixa dizendo: “Paulo Gustavo. 500 mil brasileiros mortos. Genocídio“. Nas redes sociais, ela compartilhou registros da mobilização e salientou que sua atitude foi motivada pelo que chamou de “política genocida”:

“Não estou comemorando nada, não estou sorrindo sobre corpos, não estou debochando do meu país. Estou lutando como cidadã, que paga meus impostos, que trabalha, que tem um compromisso social. É minha obrigação estar aqui e lutar por mim e por você que me lê, mesmo que você não concorde comigo, estou aqui por você também”.

Ainda no desabafo, a atriz destacou o real objetivo da manifestação e ressaltou que não tem medo das críticas: “Não dá mais, gente. NÃO DÁ. Pode comentar aí que estou sendo incoerente com meu discurso ao criticar o presidente por aglomerar. Não estou, sabe por quê? Não estamos promovendo uma festa, uma campanha política como ele tem feito, estamos buscando salvar vidas e isso só será possível quando esse senhor entender o seu papel e TRABALHAR pelas pessoas, pelo país que o elegeu e não apenas por interesses pessoais“.

Outros famosos também se juntaram ao protesto na capital paulista, como Maria Ribeiro, Luisa Arraes, Caio Blat, Paulo Betti, Renata Sorrah e Gregório Duvivier.

O post Samantha Schmütz desabafa no Twitter e alfineta artistas apareceu primeiro em RD1.